Maxilar deslocado, o que fazer?

0
21252

A mandíbula é a única parte móvel da face que está ligada ao crânio com a ajuda da articulação temporomandibular, que é um conjunto dobradiço. Esse conjunto ajuda uma pessoa a mastigar, falar e até respirar.
Muitas pessoas sofrem com a luxação da mandíbula, que é quando o queixo desloca e “cai”, permanecendo com a boca aberta e com dificuldade de fechar. Nesse caso, ocorre uma lesão que deixa a parte de baixo da mandíbula fora do seu lugar comum, comprometendo as articulações.

Mandíbula deslocada geralmente ocorre nas pessoas que tinham esse deslocamento anteriormente ou naquelas que têm a hipermobilidade articular.

Existem variadas causas que levam de deslocamento de mandíbula como: traumas, acidentes, lesões, excessiva abertura da boca (que pode acontecer no momento do bocejo) e ao morder algum tipo de alimento ou objeto duro. Todas essas situações podem resultar em mandíbula deslocada que é extremamente dolorosa e necessita de tratamento imediato.

Alguns dos sintomas de mandíbula deslocada são: dor na mandíbula, sensibilidade, dificuldade em engolir e falar, endurecimento e inchado maxilar, dormência na face e incapacidade de fechar a boca. Mesmo se a pessoa é capaz de fechar a boca, ela pode sentir que os dentes não estão alinhados de forma adequada. Se não tratado, o deslocamento pode levá-lo a situações complicadas, como obstrução das vias aéreas, sangrando, dor enquanto comer, dor dos dentes, dor no maxilar grave, etc..
Quando deslocar o maxilar, a pessoa deve procurar  um dentista ou o pronto-socorro mais próximo onde algum plantonista fará uma manobra de redução da mandíbula, isto é, força ela a voltar para o lugar, e em seguida enfaixa o rosto.
Mandíbula deslocada não deve ser fixada por uma pessoa que não é um profissional médico.  Existem alguns procedimentos de primeiro socorros que você pode realizar no momento do acidente:
O mais importante é manter o queixo no lugar, sem movimentar a mandíbula, faça uma atadura que seja amarrada no alto da cabeça para prender o queixo e apoiar a mandíbula e aplique uma bolsa de gelo para conter o inchaço e aliviar a dor, após isso contate um médico imediatamente.

Depois que o maxilar for realocado, é necessário enfaixar a região para impedir a movimentação intensa.
Este é o método para corrigir um maxilar deslocado, porém em alguns casos pode se tornar complicado e a mandíbula não pode ser realocada manualmente, o seu médico poderá aconselhá-lo a tirar um raio- X para analisar o problema, tratamentos podem ser indicados e, em casos mais severos o paciente poderá ter que passar por uma cirurgia de correção.

Uma vez que a mandíbula é posicionada, serão feitas ligaduras de modo a evitar ampla abertura da boca. O paciente necessitará tomar alguns cuidados ao sorrir e espirrar, uma dieta líquida por uns dias também será recomendado e exercícios da mandíbula irão ajudar na recuperação rápida para aliviar dor e desconforto causados pelo maxilar deslocado.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here