Crianças e saúde dental: 5 erros mais comuns

0
198

Como cuidar dos dentes dos filhos é uma pergunta frequente dos pais de primeira viagem. Mais que introduzir a higiene bucal e ensinar as crianças a escovarem corretamente os dentinhos, os pais devem ficar atentos a pequenos hábitos que podem atrapalhar a boa saúde dental dos filhos.

Listamos abaixo os erros mais comuns que podem facilitar o enfraquecimento dos dentes e o surgimento de cáries e outras doenças. Confira:

 

  1. Transformar a escovação num momento chato: que tal transformar esse momento em um ritual familiar? Usar escovas coloridas, conferir se os dentes estão branquinhos, sentir o cheirinho do hálito após a escovação são pequenas ações que ajudam as crianças a se entreterem e se conscientizarem sobre a importância desse momento.

 

  1. Leite na hora de dormir: a ingestão de leite é importante para as crianças, principalmente porque o alimento contém cálcio e vitamina D. Mas a bebida também é rica em lactose, açúcar que contribui para a formação das cáries. A dica é tentar cultivar o hábito de tomá-lo antes da higiene bucal.

 

  1. Aumentar o consumo de doces: atitudes radicais não costumam ter efeitos positivos, por isso não há a necessidade de abolir completamente os doces do cardápio dos pequenos. Mas que tal associar o doce à sobremesa, para ser servido logo após o almoço? Dessa maneira, os açúcares residuais acabam sendo eliminados com a escovação. Vale lembrar que o consumo descontrolado de açúcares aumenta a produção de bactérias que enfraquecem os dentes.

 

  1. Trocar água por sucos e refrigerantes: embora o suco seja uma bebida saudável, ele não deve substituir a água. Assim como os refrigerantes, os sucos contém alta taxa de acidez e açúcares, que ajudam na erosão do esmalte dentário.

 

  1. Descuidar da higiene e da substituição da escova: dentistas recomendam que a escova deve ser trocada a cada dois meses. Além de uma escovação correta acompanhada do uso do fio dental, é importante que as crianças saibam limpar a escova, para que não acumule resto de alimentos – prato cheio para o aparecimento de bactérias.

 

Ações simples, mas fundamentais para uma boa higiene bucal das crianças.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here