2015, um ano a ser estudado

0
174

Por: Dr. Marcelo Alves

 

Energia sempre!

Este é o primeiro de uma série de artigos que faremos mensalmente para o Blog da Gutierre Odonto. Fico muito feliz em poder colaborar e agradeço o convite. Falaremos sempre sobre uma visão holística da Odontologia no sentido do mercado e seus componentes. Profissionais, pacientes, indústria, consumo entre outros.

O assunto do momento é a “Crise”.

Parte da Odontologia é afetada pela retração do consumo. Situação esta já conhecida dos brasileiros em função do perfil de nossa economia. O Brasil é assim. Temos ciclos econômicos favoráveis e outros nem tanto. Ás vezes somos apresentados a “bolhas” de consumo que esvaziam de forma tão rápida como chegaram, enfim…a “Crise” não é surpresa para ninguém. As aspas determinam o termo que pode ser adotado, ou não, já que existem profissionais que não conhecem esta palavra, mas acreditam sim em um novo perfil de consumo para os próximos dois anos.

Já que o cenário econômico não é uma surpresa, podemos dizer que o profissional atento a sua gestão, macro economia e perfil de compra do paciente preparou-se para enfrentar 2015.

Desde 1999 trabalhamos em nossa clínica baseados em conceitos administrativos, que nos levaram a buscar e investir em controles eficientes de números e comportamento de mercado. Nada muito caro nem muito complexo, mas demandou busca de conhecimento.

O cirurgião-dentista dentro do seu perfil, em sua esmagadora maioria, não busca estruturar seu negócio como tal, mas adora reclamar do mercado…

É muito simples de explicar este fenômeno. Fomos criados com foco no produto, ou seja, o tratamento odontológico. Quantas vezes o cliente nos procura e não levamos em consideração a sua queixa principal ?

O cliente, por sua vez, está cauteloso. Ele até pode ter a condição de compra, mas está seletivo. Cabe a nós criarmos ferramentas e produtos para, mesmo neste momento de incertezas, deixarmos o paciente à vontade na sua decisão do volume de investimento, principalmente dividindo em fases de tratamento com menores valores. O que não se pode é perder o contato com o cliente neste momento.

Não reclame. A imagem da Odontologia perante a população já é mal trabalhada pelos próprios profissionais. O que a mídia às vezes reflete de foma errônea, mas de origem correta, prejudica ainda mais.

Pensamento positivo e principalmente atitudes positivas. Nossa vida é guiada pelo nosso pensamento e raciocínio. Se esperarmos a ausência de problemas e desafios para sermos felizes…a felicidade nunca chegará. Aceitemos o desafio de estudar 2015, seus aspectos, características e possibilidades. Planejamento é fundamental para atingirmos nossos resultados.

Se você deixar a vida te levar, ela levará. Mas para onde ela quiser e não onde você deseja chegar.

Não concorda ?

Fale comigo: dr.marcelo@mcpremiere.com.br

Até a próxima!

 

*Dr. Marcelo Alves:

Graduado em odontologia em 1992 pela UNAERP, especialista em Dentística pela FORP-USP e com MBA em Gestão de Sistemas de Saúde pela FGV. É professor do curso de Especialização em Dentística FUNORP FORP USP e diretor clínico da MC Première, em Ribeirão Preto (SP), clínica que já conta com 15 anos de mercado e mais de 8 mil clientes.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here